Segunda-feira, 21 de Junho de 2010

Reflexões no cume de um penhasco (ecos)

Deixar o tempo passar, não é viver em plenitude... é desperdiçar



Mr Anger às 11:25
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
22 comentários:
De heidi a 23 de Junho de 2010 às 13:35
Acredito nisso plenamente. Enquanto o tempo passa, o mundo gira. Tudo a à nossa volta se transforma. o que fui há duas horas... a essência está lá... mas... até o ler algo no facebook, por ex, pode alterar as minhas ideias. Convicções. O despertar. De que me vale querer algo; desejar, se não faço nada para chegar lá? Se fico à espera... simplesmente isso. Nada mais.
Agora que o tempo pode dar respostas... isso já é verdade! Algumas coisas que pensamos serem certas numa determinada altura, mais tarde, já se podem tornar incertezas e questionaveis. Mas isso advém da experiência. Do avançar. Não é? A famosa lei fisica aqui presente "nada se perde.... tudo se transforma".


De Mr Anger a 24 de Junho de 2010 às 13:32
Hum...

O tombar e levantar faz parte desse crescimento pessoal (evolução), dessa experiência, advém também daí a confiança e também a despreocupação pelo que o nosso "eu" representa para os outros/sociedade (no sentido bom da coisa). O errar serve para aprendermos a fazer bem... (in)felizmente não é coisa para todos :D

E sim, tem razão, o Facebook e o Farmville mudaram a minha vida :S (para ser franco, foi o Hi5, mas...)


Mr Anger (e o dia de praia que está hoje, até "estala" :D)


De 2010 a 24 de Junho de 2010 às 16:41
"até estala"


tem direitos de autor :)


De Mr Anger a 24 de Junho de 2010 às 22:00
Hum...

Sim, é provável que tenha... já piada... acho difícil :D (desencadeia no máximo dos máximos aquele sorriso de quem se lembra dos idos tempos da escola primária :D)


Mr Anger (ih ih)


De heidi a 24 de Junho de 2010 às 23:46
O facebook foi só um exemplo. lol Tenho conta, mas... não sou dependenteómaniaca. E quanto ao farmville... tenho uma bela quinta sim senhor! :P Muito arranjadinha... mas pouco já lá faço. Perdeu a piada. lol

Lado sério do coment...
Você e eu pensamos e assumimos que o tal cair e levantar faz parte da vida. Do crescimento pessoal como foi designado por si. Mas muitos não acreditam nisso. Chegam a ter medo de dar um passo... simplesmente, porque não é seguro. Não se sabe o que está do outro lado da ponte. E esperam... esperam... esperam... Recear é bom! Agora se isso entorpece os nossos sentidos... algo está mal. A situação pode não estar muito bem avaliada. Não sei. cada cabeça sua sentença. No dia-a-dia temos tantas pessoas que nos rodeiam... tantas atitudes... comportamentos... que depois não conseguimos chegar a nenhuma conclusão sobre este assunto. Somos seres humanos... que nascemos com vários potenciais em bruto... ao longo da vida desenvolvemos alguns... perdemos outros... mas... existe sempre aquela necessidade de se agarrar a algo como a certeza. Uma barra... que nos coloque no caminho que sabemos "perfeitamente" que não nos faz mal. Ou então... deixamo-nos estar sossegadinhos. Quietinhos no nosso canto. sem muitas preocupações. E um dia... o tal dia... olhamos para trás... e bolas... quantas recriminações nos fazemos porque deixamos passar uma data de momentos. O que fica? frustrações... depressões... pelo que poderia ter sido... mas não foi! Não podemos culpar ninguém! mentira... nós somos os culpados e responsáveis pelas nossas escolhas. Só nós. :)

Quanto A`praia... nem me fale nisso. :( Mês meio de molho... e o mar a clamar por mim... olhe aí sim... é motivo para ficar com neura. lolol Sim... porque ter vontade e não poder... não é a mesma coisa que querer e não ter vontade. :P

(tcharann... the end do testamento)


De ? a 2 de Julho de 2010 às 09:34
"I’M
STANDING,
NAKED AT YOUR
DOOR
DOWN ON MY
KNEES IN THE
COLD FLOOR
I THINK I
CANNOT DO ANY
MORE

I’M HOPING
THAT I AM NOT
TOO LATE
I’M HOPING
THAT YOU’RE
STILL AWAKE
BUT NOT
DRESSED UP AND
WITHOUT THE
MAKE-UP
THAT HIDES
YOUR FACE

BEHIND YOUR
SUNGLASSES
YOUR TEARS ARE
FALLING DOWN

LAY DOWN YOUR
GUNS
LAY DOWN YOUR
SHIELDS
AND LET ME
IN,
LET ME DIVE IN
ALL THAT GREEN
AND HOLD YOU

TODAY IS JUST
TOMORROW’S
YESTERDAY
OR SO I FEEL
SINCE YOU’RE
AWAY

I SEARCH AMONG
THE CROWD
I SEARCH IN MY
OWN INSIDE
OUT
I SEARCH YOUR
FLAVOUR IN MY
MOUTH

I’M SITTING
ALONE IN THE
BACKSTAGE
THERE’S NO
MORE ANGER, NO
MORE RAGE
JUST THIS
EMPTY SPACE
IN
THE LEFT SIDE
OF AN ACHING
CHEST

AWAY, IN THE
OTHER SIDE
OF THAT BARBED
WIRE FENCE
CAN’T YOU
SEE I’M BY
YOUR SIDE?
"


De Mr Anger a 2 de Julho de 2010 às 12:57
Hum...

Que quer que lhe diga... que está bom ? Mas a nível de Portugal ou do Mundo ?

Em Portugal, dentro desse "estilo" teve o primeiro álbum dos Fingertips, que não é mau de todo (música e letras), mas se gosta mesmo de ouvir música e quiser aceitar a sugestão, oiça isto (por exemplo):

The Smashing Pumpkins - Mellon Collie and the Infinite Sadness

... e se já conhece (e gosta), então sinceramente não sei o que anda a fazer :D


Mr Anger (o maniento não-pseudo)


De Last words a 2 de Julho de 2010 às 13:08
"Melão o que?!"


De Mr Anger a 2 de Julho de 2010 às 13:16
Hum...

A nível de expressão facial fiquei assim:

:|


Mr Anger



De Rita a 6 de Julho de 2010 às 15:00
mas temos de deixar a cabeça arrefecer... e para isso, é preciso deixar passar o tempo... mesmo q QB...


De P. a 13 de Julho de 2010 às 09:22
"When you are flying around and around the world
And I'm lying lonely
I know there's something sacred and free reserved
And received by me only"


De Luisa a 13 de Julho de 2010 às 17:55
Concordo... mas não posso "não deixar" uma nesga da porta aberta: depende das circunstâncias! Por vezes, há que deixar o tempo passar!
Já estava com saudades de o ler!
Posso deixar um beijo?
Luisa


De http://shakermaker.blogs.sapo.pt a 19 de Julho de 2010 às 18:54
Ora viva!

Nunca tive jeito para escrever frases curtas mas com tanto significado. Raios, eu gostava que alguém, um dia, dissesse uma frase célebre da minha autoria.

Um abraço...
shakermaker


De P. a 29 de Julho de 2010 às 14:32
"Oh Mr. Worry, I hate how you lie to me
Always showing me the fears that might come to be
I can lose today in tomorrow’s anxiety
Selling me the lie it was safe where we used to be
Honestly, I look back and see the truth
My whole life in the hands of God my proof
I hold to this truth I know
So the fear, I can let it go

So shh shh
Mr. Worry quiet down
‘Cause shh shh
You can never bring us down

We let it roll, we let it ride
We don’t take it home
So we can sleep at night
We let it go, we let it slide
We don’t take it home
So we can live our lives

Quick Mr. Anger, you know how to get to me
Always cut me off in the lane that’s in front of me
Now you’re in my head all day and you’re running me
Now I’m at home yelling at my whole family
But when tomorrow comes I will see the truth
What I hold inside hurts only me, not you
So for the ones I love and know
Mr. Anger, I let you go

So shh shh
Mr. Anger quiet down
‘Cause shh shh
You can never bring us down

Worry never never
Added a day to my life ever
It just robs me of today and brings me down
So come what may whatever
The truth has set me free forever
And the burdens of my life, I lay them down"


De 2010 a 30 de Julho de 2010 às 04:05
De Mr Anger a 24 de Junho de 2010 às 22:00
Hum...

Sim, é provável que tenha... já piada... acho difícil :D (desencadeia no máximo dos máximos aquele sorriso de quem se lembra dos idos tempos da escola primária :D)


Mr Anger (ih ih)








TEM MESMO!!!!! Mais não adianto!!!
:)


De 994marie1904 a 4 de Outubro de 2010 às 20:48
Há qualquer coisa em si que marca, já não há muitas pessoas que escrevam assim... um blog a acompanhar para sempre!


De Carrasca a 7 de Outubro de 2010 às 11:03
Eu Matei-o!

Ele estava sentado contra uma árvore, de joelhos quase encostados ao peito, cheio de picos da erva coleccionados no caminho que o levou ali. Roía com raiva a tampa da caneta suspensa no ar, enquanto pensava e observava o mundo abaixo dos seus pés.
De intermináveis tempos a tempos anotava uma palavra no texto que tentava construir. Estava escuro e passaros cantavam, não me ouviu chegar. Acredito que fingiu não me pressentir a aproximar cada vez mais dele e deixou-me agir.Deixou me concretizar o que ele sonhou por tanto tempo.
Coloquei lhe as mãos suavemente em volta do pescoço e apertei com toda a força que tinha.Não estremeceu, não lutou contra mim, apenas soltou ao vento a as folhas escritas que tinha em mãos e disse sem ódio nem amor:

Obrigado... por me libertares!

Tens o que mereces,vagabundo!- Citei-o eu enquanto ele tombava a cabeça para a segurança das minhas mãos e delas para o chão.

Ao mesmo tempo que eu lhe virava as costas e o deixava para morrer, com o último sopro de ar rarefeito que lhe restava nos pulmões, cantou baixinho com voz envergonhada:


“You're a falling star
You're the get-away car
You're the line in the sand when I go too far
You're the swimming pool, on an August day
And you're the perfect thing to say

And you play it coy, but its kinda cute
When you smile at me you know just what you do
Baby, don't pretend that you don't know its true
'Cause you can see it when I look at you

And in this crazy life
And through these crazy times
Its you, Its you
You make me sing
You're every line
You're every word
You're everything

You're a carousel
You're a wishing well
And you light me up, when you ring my bell
You're a mystery
You're from outer space
You're every minute of everyday
(…)
So, la, la, la, la, la, la, la…”

E parei de ouvir a sua voz. Ficou esticado no chão nocturno do cume daquele penhasco, de olhos estáticos e abertos a contemplar para sempre as estrelas.

Parti o vosso brinquedinho antes de terem acabado a brincadeira. Sorry...but i don´t like to play!



Comentar post

mranger.blog@gmail.com

Pesquisar (Blog)

 

Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Post's Recentes

Cuida de ti, pequeno Godz...

Ticket to ride

Folhas arrancadas de um l...

O amor habitual

Regras base - Sobre(a)viv...

No estrangeiro também se ...

Raio-X

Regras base - Sobre(a)viv...

Factual mundano - Autocar...

Sai cognac para a mesa qu...

Mau karma (ou azar ao jog...

Jogos de vida

Modem em sincronismo

Verdades (in)discutíveis

Natureza morta com pormen...

As estatísticas dizem-me ...

Obliterar (é preciso)

De barba feita:

O perdedor (fecha a porta...

Non, rien de rien (non, j...

Tomei peyote na idade méd...

Lx Strip

Vitória (?)

Recortes flamejantes no h...

Gentes da minha terra

Curtes alpista ?

Roedores & Armadilhas

Branco ou tinto? (cheio)

A Bolha

A cultura é gourmet

Pés na estrada

A selva humana

The head bone's connected...

Mare nostrum

A vida é bela

Lucky strike

Lapsos temporais

Memória de Ferro (O.s.p.e...

Objectivamente delirante

Girino

Burros (de carga) pensant...

As flores no teu cabelo -...

Nenhum pássaro me sussurr...

A moda dos cintos apertad...

Os contribuintes (ou os b...

Comprar tabaco (eu fui)

Isto é um fato...

Reflexões no cume de um p...

Amor em formol

Introdução à Economia: "V...

Arquivos

Agosto 2016

Dezembro 2015

Abril 2015

Outubro 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Novembro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Abril 2013

Março 2013

Setembro 2012

Agosto 2012

Janeiro 2011

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Janeiro 2007

Novembro 2006

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Agosto 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

tags

todas as tags

Links

últ. comentários

A verdadeira lição que temos de retirar destes mom...
Revejo-me no que aqui escreve (e, em geral, pelo s...
Olá cara Heidi,Com o frio vigente é mais caso para...
"At first (you were) afraid, (you were) petrified....
Cara HeidiÉ por aí, como na velha máxima: "...the ...
Nada é certo dentro da nossa vida. Por mais bases ...
Se não passa de dois bitaites e mais nada, não vej...
Caro Mr AngerComo diriam as mentes simples: "Alive...
Cara Mallory,Sem querer ferir susceptibilidades, m...
Cara Mallory,Como diria o E.Jonh: "I'm still Stand...

mais comentados

Top de Blogues

subscrever feeds